Hoje, 15 de maio, é comemorado o dia do Assistente Social. Seja no campo empresarial ou no serviço público de saúde o assistente social é peça chave no atendimento à população e promoção à saúde.

Formado pelo curso de Serviço Social, o profissional tem como objetivo principal atuar diretamente nas políticas sociais com o compromisso de defender e garantir os direitos da população. Amparando pessoas que de alguma forma não tem total acesso à cidadania, ajudanda-os a resolver problemas ligados a educação, habitação, emprego e saúde. É uma profissão de cunho assistencial, voltada para a promoção do bem-estar físico, psicológico e social.

No Sistema Único de Saúde o papel do Assistente Social é fundamental. Tanto na identificação e encaminhamento de pessoas em situação de vulnerabilidade como na implantação das estratégias de saúde. Os profissionais integram o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), que é uma equipe composta por profissionais de diferentes áreas de conhecimento, que atuam de maneira integrada, apoiando os profissionais das Equipes Saúde da Família e das Equipes de Atenção Básica para garantir cuidado aos usuários do SUS.

Marcelo Pedro, consultor técnico da Coordenação Geral de Saúde da Família do Ministério da Saúde, ressalta a importância do papel integrador do assistente social no atendimento do SUS. “Eles tem uma atuação que para nós é muito importante. Eles servem como apoio para as equipes de saúde da família, além dele fazer uma importante integração com a Rede Suas (Sistema Nacional de Informação do Sistema Único de Assistência Social)”.

Atualmente 2.671 profissionais de assistência social atuam diretamente nas equipes do NASF e Marcelo afirma que o papel do profissional vai muito além de uma função ligada apenas ao assistencialismo. “Os profissionais são fundamentais para as ações de trabalho integradas. Além de ajudar quem não tem acesso aos direitos básicos, ele pode também ajudar com ações integradoras. Ele tem um visão de gerar conexões muito maior que outros profissionais da saúde. Como não atua diretamente no atendimento do corpo, ele tem uma função muito importante no tecido social”.

Fonte: Blog da Saúde

Share This