O material proporciona o aperfeiçoamento e contribui
para o bem-estar de toda a comunidade escolar.

O Curso de Aperfeiçoamento em Bem-Estar no Contexto Escolar foi lançado pela Secretaria de Educação Básica (SEB) do Ministério da Educação (MEC) e disponibilizado na plataforma Avamec, com o intuito de complementar e aperfeiçoar a formação de professores e gestores da educação básica sobre saúde mental e emocional, visando contribuir para uma melhora no bem-estar de toda a comunidade escolar.

O material busca, ainda, possibilitar que professores e gestores estejam em contato contínuo com as atuais reflexões sobre saúde mental e abranger o conhecimento acerca dos conceitos trabalhados na área da psicologia escolar como o desenvolvimento de crianças e adolescentes.

O pedagogo Gabriel Gonçalves de Castro já realizou a formação e conta que o material foi recomendado pela Secretaria de Educação de Cristalina (GO), cidade onde ele atua como coordenador pedagógico em uma escola municipal. “O curso chegou como indicação do departamento pedagógico da secretaria de educação. Eu me interessei, me inscrevi e realizei o curso. Em seguida, compartilhei com os 18 professores que eu coordeno na escola, porque não é justo que um curso dessa magnitude ficasse só comigo”, conta Gabriel.

O curso é dividido em três módulos: um que trata do bem-estar e a comunidade escolar; um que trata da saúde mental e emocional; e um terceiro, que trata da educação e bem-estar na pandemia da Covid-19, que para Gabriel é o módulo mais importante, pois mostra qual deve ser o papel da escola e dos professores nesse período de pandemia: “Neste momento de pandemia, nós professores tivemos que nos reinventar, e depois de um ano e alguns meses de pandemia nós temos que lidar com os pais que estão cansados, sobrecarregados, então em um módulo igual este a gente acaba se acalentando”, afirma o pedagogo.

O coordenador afirma, ainda, que o curso trouxe uma percepção sobre o contexto atual e que a partir dele passou a enxergar com mais empatia cada situação em particular, pois o curso trouxe a clareza de que os estudantes possuem limitações e que o dever da escola é trabalhar também o emocional, o mental e toda a situação que a família pode estar enfrentando.


Um dos objetivos do curso é possibilitar que professores e gestores estejam em contato contínuo com as atuais reflexões sobre saúde mental. Para Gabriel, um ponto bastante relevante, pois faz com que o professor desperte o olhar e o foco para a saúde mental e para o autocuidado: “É um curso que vem preparar o gestor, vem preparar as escolas, porque quando o retorno presencial acontecer, mesmo que seja de forma híbrida, o primeiro degrau dessa escadinha é o mental, é o emocional, é cuidar dessas crianças”.

“A todos os professores, gestores, colegas coordenadores pedagógicos, esse é um curso maravilhoso, um curso que nos faz entender um pouquinho do que a gente está vivendo hoje: é uma realidade diferente, é um momento atípico, que vai muito além do conteúdo, é trabalhar o humano, trabalhar as diferenças, ter empatia com o outro”, é a mensagem que o coordenador pedagógico da rede básica deixa para os profissionais que ainda não se inscreveram no curso.

Inscreva-se no Curso de Aperfeiçoamento em Bem-Estar no Contexto Escolar. Conheça o Avamec

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do MEC – Ministério da Educação

Share This